Eu sinto a tua falta 24h por segundo…

12743882_1658787687700295_583380882335498890_n

Ontem foi dia dos namorados… E dei comigo a pensar em que surpresas te fiz… Não me recordo, porque para nós todos os dias foram dia dos namorados.

Nunca precisámos de um motivo para lembrar o quanto nos amávamos! Vivíamos 365 dias de paixão e encanto. Lembras-te?


O que eu e tu tivemos, só se tem uma vez na vida.
Não me venham cá com merdas!
Eu não te encontrei simplesmente, eu encontrei-me, em ti!


E não, eu não quero deixar de te amar. É ridículo mas eu continuo a adorar amar-te, como desde que começou e pior… Quero continuar a ser ridículo.
Não tenho qualquer intenção de te esquecer e sempre que falo nisso, não passa de uma tentativa falhada de me tentar convencer a mim próprio.


Que fique claro, que vou ter saudades tuas eternamente se preciso for, mas a minha única intenção é poder voltar a fazer-te viver 365 dias de paixão, encanto e amor e ver todos os dias esse sorriso que me está gravado além da alma.


Eu sinto a tua falta 24h por segundo…

E tu? A “razão” tem-te feito feliz? Completa-te, mais do que eu? É com ela que desabafas? É por ela que sorris? É ela o teu Sol nos dias cinzentos? É a ela que mandas mensagens quando acordas a meio da noite? É ela que te acompanha? Que te conhece como ninguém?
Ainda guardo as tuas coisas, onde as deixaste… Se a “razão” te deixar, sabes onde me encontrar.

KingOfMysteries #69Letras

Deixar uma resposta