Magoaste-me e eu tive de partir e seguir em frente…

image

És-me especial não porque és único no mundo mas porque tu sim vives dentro de mim desde aquele primeiro beijo, desde aquele primeiro amasso contra o carro que me deixou com as nádegas de fora.

Amei-te sem saber que te amava, desejei-te mais do que alguma vez pensei ser capaz de desejar alguém, olhei-te como se te visse nú, fiz-te promessas sem saber se as querias, deixei que me cobrisses com o teu fogo e que me queimasses a pele

… e queimaste! Magoaste-me e eu tive de partir e seguir em frente…
Mas não segui em frente, como poderia? Se o meu passado é meu presente onde tu vives em mim e nem pagas renda!
És especial porque só tu me fizeste viajar com um olhar, só foste capaz de me inspirar a escrever memórias nunca vividas, sonhar com um amanhã e tantos dias depois, só tu foste capaz de me aquecer tanto a alma como o corpo e desejar que não fossemos meros mortais para que somente no pecado pudéssemos viver, onde tua boca me rasgaria a pele  e as tuas mãos no meu corpo te transformassem em pintor.

És especial porque és um amante de poucas falas o único capaz de me penetrar com um simples olhar e fazer-me subjugar a ti…. e com isto tudo… continuo aqui a ser tua… e tu continuas… perdido noutros corpos em busca de mim…

A magoa impede-me de…

 © ?Cátia Teixeira, Vizinha 69 Letras 2015


Deixar uma resposta