…pode ficar com o meu cão?

12803009_1667300293515701_3955334626318467751_n

Ganhei coragem!
Depois de uma semana de móveis para cima, gritarias para baixo, a nova vizinha do 2° direito instalou-se, e eu como bom Vizinho mostrei-me prestável para um recepção de boas vindas… Entre sorrisos e palavras bonitas não pude deixar de reparar na sua beleza e sensualidade, o que me levou às seguintes palavras. “Vizinha, sempre que precisar pode contar comigo!” Não é que ela precisou mesmo?
“Vizinho! Preciso me divertir, de me embebedar, de extravasar esta tensão acumulada… Está ocupado esta noite? ”
Eu respondo todo excitado ” Não, hoje estou livre!”
Sabem que me disse ela?
“Nesse caso pode ficar com o meu cão?”
Raios parta a minha sorte…

O Vizinho #69Letras

A resposta da Vizinha do 2° Direito

Finalmente consegui mudar-me para um apartamento novo, mas estes dias de mudanças dão cabo de mim.
A empresa de mudanças embirrou com o meu mobiliário pois tentaram fazer dele saco de pancada. Refilei pois claro, a leoa exigente e perfeccionista que há em mim teve de controlar todo o processo. Escada acima escada abaixo, lá andava eu tal sargento a supervisionar o processo. Faço ideia o que pensariam os vizinhos…!
Foram dias cansativos, carregada de caixas e caixotes, subir e descer, descer e subir… O único regalo era quando passava no patamar do vizinho do primeiro direito… Sempre com boa musica a tocar que mais parecia um convite a entrar! E o cheirinho a bolo na hora do lanche? Será que se lhe tocasse à campainha com um chá para acompanhar me convidaria a entrar?
Nesta altura ainda não sabia se era um vizinho ou vizinha, mas já gostava dele/a.
Estava a entrar no prédio quando dou de caras com uma figura. Olhei-o da cintura até aos olhos…
“Olá!’ Disse-me…
De fato de treino, despenteada e atrapalhada retribuo com um desprevenido sorriso. (bolas! Porque é que estou a sorrir assim?) O Bom vizinho ofereceu-se para me ajudar… Ui o que ele foi fazer! Na minha cabeça desenrolou-se um role-play com as milhentas coisas com que ele me poderia ajudar. Aceitei a ajuda… Ficou com o meu cão nesse fim de semana e fui exorcizar toda a tesão acumulada no meu corpo. Quanto a este saboroso vizinho… Ficará para outros biscates.

Débora, 2Dto

3 comentários a “…pode ficar com o meu cão?”

Deixar uma resposta