As memórias… as saudades…!

12348038_1632870903625307_8096710428000993444_n

 

Não sinto mais o calor das tuas pernas, nem tenho em mim o sabor dos teus lábios o cheiro do teu perfume não me satisfaz mais o olfacto, já foi o tempo que nos entregamos na luxuria e no pecado. Hoje na penumbra da noite num ato de pura cobardia a memória atraiçoa-me com visões do nosso capricho, que me faz morder o lábio lembrando as minhas mãos percorrer o teu corpo nu, e apenas a memória me diz hoje onde o meu toque te excitava, deixa a minha memória do passado vem ser a memória num futuro a recordar.

Ricco

Deixar uma resposta