Adão provou Eva, come a maçã do pecado comigo…

image

Olhar Cúmplice
Entro na rotina do dia, no stress matinal de uma lisboa agitada de transito e ruídos, e a caminho  daquele local onde me prendem por horas, passo por dezenas de mulheres que me enchem o olhar com as suas medidas, mas chego finalmente, e aí te encontro sentada meio de lado na tua secretária onde já avaliei todos os ângulos de luz que sobre ti caem e onde esse vestido realça todo o teu corpo.
Eis então que sou atraiçoado pelos meus olhos que já te despiram milhões de vezes sem nunca o ter feito, “onde se ganha o pão não se come a carne”, mas nos meus olhos essa ementa já saciou muitas vezes a fome que o corpo tem de ti. Os olhos também comem, e a fantasia alimenta, mas

deixa-me provar-te como Adão provou Eva, come a maçã do pecado comigo,

deixa de me fitar com esse olhar de desejo com o qual te retribuo e vem, nesta tarde de domingo ouvir a chuva bater no vidro como que querendo entrar por nos dentro e consumamos então esse desejo e acabaremos fitando um ao outro no olhar de quem se perdeu por momentos e encontrou ali seu abrigo.

RiCCo

 

Deixar uma resposta