Amar sem sentir

Será possível Amar sem nunca ter sentido, tocado ou mesmo ter olhado nos olhos? Nunca acreditei nisso. Tenho que sentir faísca, conhecer bem… Tenho que confiar e isso só se conquista com o tempo e[…]

Há algo de ti que vive em mim

Há algo de ti que vive em mim. É o teu olhar sereno Que me apanhou na sua rede E fez de mim sereia do mar Nos teus olhos a mergulhar. É o teu toque[…]

Abraça-me

Abraça-me. Envolve-me nos teus braços, Nesse abrigo de paz. Aconchega-me no teu peito Junto ao calor do teu coração. Protege-me nas tuas mãos, Amparo das minhas quedas. Carrega-me nos teus ombros Nos dias em que[…]

A melhor sangria que bebi

Querida! Já viste a bela tarde de sol de hoje? Apetece-me fazer algo… Sei lá! Olha! Vamos estender a rede na varanda e prostrar-nos a contemplar o mar? Eu e tu, o sol e a[…]

Memórias de uma chávena de café

Me pego sentada na varanda do quarto as 6h da manhã com uma xícara de café entre as mãos. O tempo continua cinzento lá fora e alguns pingos de chuva insistem em cair vagarosamente… Sabe[…]

Mãos aqui e acolá

Os meus dedos percorrem as teclas com suavidade… Pedes que descreva o quanto te quero, o quanto te preciso e ainda tento… Dígito com o carinho que te tenho, acaricio-te com palavras doces, sinto que[…]

Ema, no voo transatlantico

Texto Erotico | M18| Porto, 6:35h. Estávamos em Dezembro e a noite permanecia ainda cerrada. Estava frio. Não chovia. Mas a massa de ar densa e húmida que caiu sobre a cidade, gelava-me o pouco[…]

Quero!

Texto erótico | M18 Quero que me beijes mais. Que me deixes os lábios dormentes. Que me faças esquecer o mundo em cada beijo. Quero que me mordas mais. Que me deixes marcada por dias[…]

Guerra dos sentidos

Quente e húmida! Assim se apresenta ela ao mundo. Dona de si, dona das suas vontades e caprichos!  Ela sabe o que quer e quer precisamente agora. Sem demoras ou desculpas.  Sexo para ela, é[…]

O jogo…

Texto Erotico | M18| Quando entrei, ela estava deitada na cama, quieta, nua, de pernas bem abertas, como que à minha espera, num ensaio de sedução meticulosamente pensado. Olhei-a de soslaio, de forma fugaz, com o desdém vincado[…]