Arquivo de etiquetas: pensamentos

O meu silêncio ….

Sinto-me mais poderosa quando estou em silêncio.
Nunca ninguém espera o silêncio,
esperam sim palavras, defesas ,ofensas, ataques e revoltas …para frente e para trás!!
De punhos para cima, palavras penduradas nas bocas, prontas a ser cuspidas!
Lamento, mas eu não alimento esses caprichos …
É que nem sequer penso se tenho que responder!
Se há coisas com que não perco tempo, é com hipocrisias! Querem falar , falam … falam e sem gritar… odeio gritos !! E aliás alguém consegue impor ou explicar alguma ideia na postura de uma avestruz esgazeada ??!
Não vou dizer que não há coisas que não me dói ao sentir ou ver !!
Claro que sim e quem diz o contrário , mente por cobardia!
Mas a sensação nunca é alterada pela reação, pelo contrário, pode piorar!
Nesse assunto, sou muito prática, guardo tudo e vivo-me apenas a mim!
O silêncio é uma Arte de se estar … se é que existe, acabei de inventar a expressão, é assim que sinto!
O silêncio faz-nos ouvir cá de dentro, se grita, se chora, se ri!
Se soubessem a capacidade dos meus gritos internos … as revoltas que guardo e escondo do que vejo acontecer sem poder fazer nada. 
Se soubessem… o bem que nos faz o silêncio ,se soubessem … às vezes não fariam figuras tão tristes !
É uma questão de bom senso, até de amor próprio!
Esforça-te, foca-te … lembra :
todas as nossas decisões , importantes ou não, são tomadas por nós e pensadas em silêncio!
Esse silêncio, o que faz parte de “nós” é o nosso equilíbrio!
Não o subestimes, respeita-o …. o teu e o dos outros!
Como dizia Sherlock Holmes….

“o mundo está cheio de coisas óbvias que ninguém jamais observa.”

©MySighs 2017 #69Letras

Tiro-te do sério?!

Seja maldade …
inocente, mas seja! 
Provoco sim, com as minhas vontades, com o saber dos teus caprichos!
Não serão apenas caprichos, mas sim desejos teus , loucuras gulosas da carne e da pele, vontades que te inquietam as mãos, o olhar e até o pensamento!
Eu provoco sim, sabes que sim e o porquê!
Eu provoco e tu,mudo, refletes os pormenores…
Crias momentos lascivos, carregados de desejos teus com as minhas provocações…

“Tiras-me do sério!” … Dizes !
Tiro?!
Deixas-te provocar, deixas-te levar …
As tuas mãos, inquietas , respondem …
agarram-me pela cintura, arrancam-me a roupa.
Inquieto, muito inquieto … sinto-te em cada palavra, cada expressão do olhar, a mordida no lábio, o teu !
O fazeres-me deslizar pela mão até me colar ao teu corpo ,virada para ti, a mordida no lábio, desta vez no meu…
Sugas de rompante a minha boca e perco-me de vez nos teus beijos,
mergulhada em ti, nos teus braços, na tua pele que acaricia a minha, nos corpos que se colam, nas Almas que se entregam, na explosão mútua de sensações !
Seja maldade, seja a tua vontade ,seja a minha, seja….
Até dizem por aí ….. “o Amor é assim”…
E é, pelo menos parar mim !!

©*My Sighs* 2017 #69Letras 

Enfim… Apenas o tanto que nos quisemos…

Enfim..
Tudo tem um fim…
Parece que acabou…
Os suspiros terminaram…
Sobraram as vontades…

Algumas brincadeiras pensadas e inacabadas…
Ficaram as que escolhemos,
Quase sem querer…

Aquelas em que tudo era paixão e emoção!
Onde os teus lábios eram a perfeição em que me perdia.

O teu sabor…??
O tempero afrodisíaco.
Encaixes de vontades .
Eram perfeitos?

Não…
Formas de sentir que se apaixonaram uma pela outra.
Talvez sejas igual a tantas outras com que me cruzo na rua….
Assim ao olhar despido de sentires…
Foste tu que me fizeste acreditar em emoções que se atraem.

A tua boca que me fazia recordar ,
as súbitas descidas de uma montanha russa.
Onde o estômago se encolhe…
E as emoções afloram à boca.
As tuas e as minhas em beijos plenos de querer…

Os teus “aiiis”deliciosos…
Pernas longas que me uniam à tua necessidade de a mim sentir preencher…

Sim…!!!
A mim!!!
A mim que ainda hoje desejas em ti….

A mim, que me corrói a mágoa de não o ser!!!
O ser que te sente!!!!!
Sente quente e carente
Do meu tanto a ti querer…

©Read Mymind 2017 #69Letras

A ti!!

A ti…!!!
Que tanto tentas ler…
Que tanto tentas entender!!!
Que tanto tentas ver !!!

Aqui!!
É o que tu lês !
É aqui que me revelo!!
É aqui que me descrevo!

Onde tu vês entrelinhas
Onde tu presumes algo escondido!
Onde tu pensas que receio mostrar!

Aqui está o que não revelo!
O que vivo e vivi!!
O que escondo e não revelarei!
O que quero viver e o temido de perder!

Não mostro o que não tens de ver!
Não revivo o que não vivi!
Não conto o que nunca será um conto!
Nunca serei um príncipe!
Terei sempre Rainhas em mim!!

Não me procures escondido atrás do nome!
O nome não é um biombo…
E sim um quadro pintado!!
Os corpos nus descritos o papel onde me escrevo!!

©Read Mymind 2017 #69Letras

Vestida de Ti

Hoje copio uma frase !
“Vestida de Ti
Porque a sensação foi tão intensa,
Tão real, que nenhuma outra faria sentido!
Acordei naquele misto de confusão, não sei o dia, não sei onde estou, nem sei quem sou!
Aqueles sonhos que nos mudam a história vezes sem conta onde sou sempre eu e és sempre tu!
Onde o Eu te tem e o Tu me quer sempre!
Esses sonhos … que passamos o dia a tentar lembrar mais, porque o pouco que lembramos foi tão bom que nos descontrola as vontades!
Hoje acordei assim… de corpo quente!
Com o teu cheiro em mim, com o calor que durante a noite o teu corpo me provocou!
No momento em que tentei abrir os olhos … senti-me encaixada no teu colo, naquele formado doce da conchinha… onde terminamos a nossa intensa noite….
Onde nos aninhamos no mimo relaxante do abraço um do outro até amanhecer!
Abri os olhos …o sol ainda fraco já riscava a pele, a cama e as paredes.
Eu ali , tão bem encaixada no meio das almofadas que me criaram a ilusão de seres tu!
Mas nem tudo é ilusão!
A mente tem poderes que te fogem ao controle …
Tu não estavas ali, fisicamente! Facto!
Mas os teus sussurros, as risadas,o som inconfundível da tua voz, o teu cheiro, a tua gula dos meus lábios que me fazem sentir o teu beijo com intensidade…
sinto, em mim, por mim, vindo de ti, quando me pensas…
E o poder da mente que nos faz ser um do outro assim …
Faz-me acordar “vestida de Ti…”

©*My Sighs*2017 #69Letras

Fazendo de conta, conta?

Vou-me ocupando de coisas … é bom que desligue…
Era bom que assim fosse!
Não há nada que te tire do pensamento…
Não há nada que apague a tua voz , o teu rir da minha memória.
Nada que me faça esquecer esse teu jeito simplório que em tudo te assenta tão bem!
Nenhum dos desejos perde as vontades, nenhuma das minhas vontades te perde a fome …
Vou-me ocupando de coisas , para distrair a minha mente gulosa dos teus sabores,
da sensação do calor da tua pele na minha , da avidez da tua língua , dos teus dedos e mãos que imaginava sedentos de mim…
Vou-me ocupando de coisas pra não sentir a falta, para que em cada bocadinho que te posso sonhar te sinta com o sentir intenso da saudade …
E que de tão intenso me faça sentir-te real!
Vou, pouco a pouco, fingindo que te faço a vontade …
Fingindo que admito ser ilusão…
Fingindo que esqueço, fingindo que nao te vejo nem te sinto, fazendo de conta que
nem te lembro, nem te leio , nem te quero, nem te Amo!

©*My Sighs* 2017 #69Letras

Deixo que doa

 

Digo muito “deixa que doa”

mas nunca disse “deixa que doa em vão”!
Às vezes é necessário pensar em nós também, não é egoísmo, talvez seja auto preservação.
Nem todos os que se aproximam merecem estar próximos, há gente nula ,que nos pesa, que nos são negativas, que sugam as nossas energias. Pessoas a quem demos o nosso melhor sem o merecer. E primeiro que voltemos a querer Amar de novo , quebra muito em nós!
Tem que haver um desprendimento de mágoas ,tem que se querer amar muito de novo,querer bem, respeitar e sentir o outro o suficiente para não aceitar o pouco como migalhas e em vão.
Ou vives por inteiro ou não tens nada.
Para seguir , deixa ir, não carregues o que te faz mal, que tão pouco te acrescenta. Que te cansa e magoa a alma, leva apenas o que te é bom, o que te for inteiro para a mente e coração.
Eu era intocável nos sentires, até perceber que o tempo em que fiquei reclusa no meu próprio mundo gerou medos às coisas comuns da realidade.
Eu era intocável ou insistia em ser, até sentir a vontade de retribuir um abraço, um carinho, um beijo!
Imagino-me imóvel, com aquela expressão de semi-pânico e a cabeça a mil, um monte de palavras e sentimentos cá dentro e a necessidade de sair dali, de desfazer o contato com aquele outro corpo, já com o receio prévio que não sairei ilesa!
Eu era intocável, até perceber que ninguém o é!
Eu deixo que doa, porque em mim há amor,
só não deixo que doa em vão !

©*My Sighs* 2017 #69Letras