Tenho sede!

©Read Mymind 2017 #69Letras Não sei se é da Primavera se da água que bebo!E isso interessa? Interessa que me apeteces! Quero voltar a sentir os teus lugares mais apertados! Chupar os teus lábios que[…]

Amar sem sentir

Será possível Amar sem nunca ter sentido, tocado ou mesmo ter olhado nos olhos? Nunca acreditei nisso. Tenho que sentir faísca, conhecer bem… Tenho que confiar e isso só se conquista com o tempo e[…]

Inesquecível…..

Ainda lembro da primeira vez que disseste que …. me querias pegar pela cintura, Segurar-me bem pelos meus loiros cabelos, olhar a minha boca de perto e beijar-me! Ainda lembro , o sentir do sabor[…]

Pequeno pedaço de céu no condomínio #69!

 TEXTO EROTICO M|18 󾬥 󾬥 󾬥󾬥 󾬥 󾬥Sexta feira e vou no carro a fazer planos ! Não me apetece sair , estou exausta , ao sair de manhã vi o saco do futebol do[…]

Apetites de Ti ….

Mais de que apetites … Sou sempre mais do que simples apetites! Mas é um facto , não vivo de caprichos, vivo de sentimentos… Não vivo para Me verem , vivo para Me sentir …[…]

Enormes em nós

Texto Erótico [M18] Sou aquela que desvenda o desejo no olhar dos homens, que passam por mim na rua. Dos que estão sentados na mesa do café. Dos que viajam no metro, em hora de[…]

Perdi-me

Perdi-me. E não me encontro. Perdi-me, Nas tuas pegadas junto ao mar, Beijadas pela luz do luar. Perdi-me, Na tua silhueta no horizonte desenhada Pelo sol da madrugada. Perdi-me, No teu corpo deslumbrante Pelo qual[…]

A melhor sangria que bebi

Querida! Já viste a bela tarde de sol de hoje? Apetece-me fazer algo… Sei lá! Olha! Vamos estender a rede na varanda e prostrar-nos a contemplar o mar? Eu e tu, o sol e a[…]

Memórias de uma chávena de café

Me pego sentada na varanda do quarto as 6h da manhã com uma xícara de café entre as mãos. O tempo continua cinzento lá fora e alguns pingos de chuva insistem em cair vagarosamente… Sabe[…]

Proibido

Havia um sinal de sentido em frente aos meus olhos. E eu não hesitei. Avancei, sem pensar nas consequências. Se sabia que não devia? Sabia. Mas não queria saber. O desejo fervilhava nas minhas veias,[…]