Amar, não chegou.

Nem sempre amar é suficiente… Atravessaram a ponte das desilusões, cada um para o seu lado. Não houve um adeus, um até breve, apenas o silêncio de quem muito tinha para dizer e resolveu nada[…]

Um dia …

  Porque existem caminhos que devem ser percorridos… Conheceram-se por acaso. Os únicos lugares vagos na esplanada da Rua Augusta. Partilharam a mesa, acabaram por sorrir e conversar. Gostaram da companhia um do outro e[…]

Vai pela sombra

Parabéns! Conseguiste ficar um passinho mais perto… Mesmo depois das imensas indirectas e dos silêncios que deveriam falar por si, como prevalece a persistência da burrice, insiste e não desiste… Lembra-te por favor que não[…]

Um instante preso no tempo

É aqui que me arrepio onde vos conto este momento sobre um instante preso no tempo. Meses juntos, entre rotinas e adaptações temos de volta e meia esta revelações. Parecem sempre novidade, mas não, continuamos[…]

Bêbeda de ti

M18 ♥♠ Visões enevoadas do teu corpo por baixo do meu, do teu ar de deleite enquanto me lanço selvagem rumo ao nosso prazer… Momentos nossos, em que nos tornámos um, momentos de entrega… A tua[…]

Mãos aqui e acolá

Os meus dedos percorrem as teclas com suavidade… Pedes que descreva o quanto te quero, o quanto te preciso e ainda tento… Dígito com o carinho que te tenho, acaricio-te com palavras doces, sinto que[…]

Tu ,eu & o sonho …

..Inventei-te em mim como uma imaginação intensa . E agora que reflito, continuo a querer encontrar-te aqui , sonho-te e sentir-te-ei eternamente, mesmo que apesar do desassossego do meu ser e da minha pele, Terás[…]

11º Passatempo – O Poder de um co(r)po de vinho |

  A nossa escritora  The Oyster decidiu mimar os nossos leitores com um presente ESPECIAL!                                        […]

Súplica

Vem… beija-me… lambe estas lágrimas que me escorrem pelo rosto e sacia a minha vontade de um abraço sentido. Demora-te, … por favor, não tenhas pressa, permanece quieta em mim, deixa-te ficar em silêncio no meu[…]

Toda a minha alma respira liberdade…

Sinto-me leve, livre e solto. Sinto que renasci! Ahhh como é bom respirar em plenos pulmões! Consegui finalmente soltar-me de tudo o que a ela me ligava. Não consigo explicar o quão radiante isso me[…]