Não sei onde te guardar…

Não sei o que fazer contigo, com as memórias de ti ou com todo esse amor que nos unia. Confunde-me fingir que não me és nada nem ninguém quando foste tudo para mim.  Como te[…]

Dona do meu mundo

Crescer não foi o que imaginei.  O meu caminho não era repleto de pétalas de rosa, nem a minha casa cheirava a tarte quente de maçã acabada de fazer.  O mundo revelava-se cada vez mais[…]

Guerra dos sentidos

Quente e húmida! Assim se apresenta ela ao mundo. Dona de si, dona das suas vontades e caprichos!  Ela sabe o que quer e quer precisamente agora. Sem demoras ou desculpas.  Sexo para ela, é[…]

Minha casa cheira a gargalhadas

Sei que parece difícil de acreditar mas cheira mesmo. Infelizmente também só reparei nisso à pouco tempo, eu própria.  Num daqueles dias em que nada nos corre bem e passamos o tempo todo a tropeçar[…]

A Primavera das nossas vidas

Todos nós temos aquelas fases em que reparamos mais nos passarinhos a chilrear. É inevitável! O sol parece que brilha mais nas nossas vidas, o calor ameno que beija as nossas faces rosadas com um sorriso[…]

Envolta em negrume

Ela acorda já com o anjo negro em mente. Algo que a persegue com pensamentos sujos e contrários à sua existência. Ela tenta ignorar essa força do maligno que a empurra para o abismo mas é[…]

Amor rico e decadente

Aos teus olhos sou ouro! Um diamante em bruto que não te cansas de lapidar com a tua experiência de vida! Admiras-me, preservas-me, usas-me pendurada no teu coração para vislumbre de todos. E eu adoro! Realça a[…]

Relato de um romântico em recuperação | Rubrica: Conta-nos a tua história |

Relato real para a página 69 Letras     Ele foi bafejado pela sorte logo à nascença. Filho único duma família bastante abastada. O berço de ouro no entanto não lhe poupou a uns quantos[…]

Sim, sou dessas….

Era uma vez uma princesa que vivia no seu reino cor de rosa… Bla Bla Bla…  Está de pé, soldado!  Enquanto mergulhas numa novela mexicana cheia de sono, há batalhas que se travam mesmo à tua[…]

Presa

Ela era uma mulher, como tantas outras mas no entanto já não se sentia feminina. Foi-lhe roubada, no entanto, fora ela quem ficou presa. Encarcerada na sua mente perturbada.  Alguém lhe roubou a sua identidade,[…]