Quem sou eu?

Às vezes gostava de não ser eu. Gostava de ser outra pessoa. Gostava de ser uma desconhecida. E, na verdade, às vezes sinto-me como uma desconhecida. Não para os outros mas sim para mim. Sinto[…]

Continue reading …

Beija-me

Beija-me Como se o amanhã Não fosse chegar E hoje fosse o derradeiro dia Para me amar.

Continue reading …

Como nunca

Mostra-me o que nunca vi. Olha-me como nunca me olhaste. Escreve-me a carta que nunca li. Beija-me como nunca me beijaste. Sorri como eu sorrio para ti. Toca-me como nunca me tocaste. Sente-me como nunca[…]

Continue reading …

Pára!

Pára. Olha para mim E diz que me amas. Não olhes para trás Enquanto a chamas. Pára. Pega-me na mão Leva-me numa viagem celestial. Não pegues na mão dela Nem a leves numa viagem angelical.[…]

Continue reading …

A tristeza

Ela chega e ataca. Sem dó nem piedade. Magoa-nos com tudo o que encontra. Traz-nos memórias antigas sem pedir permissão. Ela apodera-se do nosso coração. Com ela vêm as lágrimas quentes que caiem em silêncio.[…]

Continue reading …

Pequenos gestos

Aparece. Quero ver o teu ser. Olha. Quero perder-me no teu olhar. Sorri. Quero sonhar com os teus lábios. Aproxima-te. Quero estremecer com a tua presença. Toca. Quero arrepiar-me com a tua pele. Respira. Quero[…]

Continue reading …

Perto ou Longe…?

Tão perto e tão longe À distância de um toque, De um sorriso, De um olhar, De uma palavra, De uns metros, De um telefonema, De uma cidade, De um oceano, De uma estrela, À[…]

Continue reading …