E dizia eu…

Acho que a minha alma não estava ali, saiu do corpo parar me “mirar” de fora. Estava apenas o meu corpo e as minhas vontades que eram tantas ! Sentia-me encantada….. se é que ainda seria possível isso! O buraco vazio que tinha em mim era tão grande e a tua subtileza disfarçada na tua…

Que gozo me deu ouvir-Te “ÉS MINHA!”

CONTO ERÓTICO M|18 🔞 Tiveste um dia cheio de reuniões e formações, ao final do dia um jantar… Ficou combinado eu ir ter contigo a Lisboa, ao hotel onde estavas hospedado! Quero-te longe de tudo e todos … só meu! O Jantar alongou-se demais … comecei a achar que teria feito a viagem em vão,…

Ilusões ??!?

Quer queiramos ou não, somos assim, básicos e agarrados a sentimentos que passamos a vida a negar… talvez com receio de sermos considerados “seres fracos”, pelo simples facto de sentirmos demais! Agarramos-nos com tudo o que temos e alimentamos as nossas ideias e fantasias de esperanças sobre algo que às vezes nem tem razão de…

…O tal defeito meu !

Foi um deslize, Uma fraqueza comum,acontece! Não devia ter-Te falado tanto… E tão de dentro! (o tal defeito meu,falo demais) Deveria ver com mais atenção a própria atenção! Deixar de brincar às fases e usar apenas as minhas frases! Foi um deslize… Como muitos que acontecem sobre determinados erros de linguagem e interpretação! Como muitos…

Será que Te queres em mim assim ?

Será que Te queres em mim assim ? Não brinco com palavras…, brinco com letras , faço-as ser o movimento dos meus desejos! Mas a palavra não ! Essa vale muito e deve ser honrada!

O que me importa que Te chegue!

Gosto de escutar os olhos que sentem… sentem as leituras da Alma e as vontades que geram e vivem! Gosto de risos longos ou curtos , que sejam expontâneos! Gosto de perder-me e brincar com as palavras … Gosto quando um Tu me lê e se sente eu! Mas ainda gosto mais quando um Tu…

Hoje, mando eu….(talvez)

Texto M/18 Hoje não te vou mimar…vou amar-te rigidamente… Olha bem fundo no meu olhar…e prepara-te para as putices que te vou sujeitar… Vais sentir a dureza das minhas mãos…a agarrar-te, puxando-te para mim…