Quero!

Hoje amanheci com uma palavra que não me saiu da cabeça durante o dia todo “Quero”.

Um simples, palavra, pequena, mas enorme de significado e de tudo o que pode envolver.

Quereres, desejos, tudo o que me falta e queria ter.

Não coisas materiais, físicas, mas coisas que me alimentem a mente e a Alma, que me despertem e façam sentir.

Basicamente é isto, o querer sentir, o querer tudo o que me falta, que nunca vivi mas que tanto me atrai e deixa curiosa.

É um querer cheio de desejos ocultos, para muitos comportamentos desviantes ou pecados instigados pelo demónio que corrompem o anjo que há em mim, para outros, desejos normais de amor na forma mais animal, sem limites ou regras, baseado na confiança e cumplicidade.

Quero poder ser como sou, mostrar tudo o que me cativa e seduz sem medos, falar livremente e seguir as minhas vontades, não ser como todos a que a sociedade impõe regras e a velha história do “Não faças isso porque parece mal”.

Que se lixe se parece mal ou não, não gosto de me guiar pelas opiniões dos outros que só me diminuem e em nada me enriquecem, muito menos deixar-me levar pelo que fazem ou dizem e imita-los só porque também fizeram, essa não sou eu.

Daí esta palavra hoje não me sair da cabeça “Quero”.

Quero apenas poder ser eu…

© Miss Kitty 2017 #69Letras

Deixar uma resposta