Bebo o café e mando um “que se (ph)oda”! Antes fazer e falhar do que não tentar.

Hoje seguro a chávena de café com as duas mãos, o dia ainda está a acordar e eu só espero que se atrase e que eu não tenha de ir junto com ele, e tomar decisões.
Hoje só gostava de beber este café e não querer nada, nem fazer nada.
Estou preocupada.
Tenho vontade de abandonar a chávena de café e deixa-lo arrefecer em cima da mesa esquecido, ir para a cama e esquecer-me também dos meus sonhos e ambições que me deixam ansiosa, com medo e tremores.
É uma m3rda querer coisas e sentir que quando estás prestes a alcançar o sonho que te vão falhar a força nas pernas.
Mas prossigo.
Bebo o café e mando um “que se foda”! Antes fazer e falhar do que não tentar.

Mas não é fácil…! 

 © ?Cátia Teixeira, Vizinha 69 Letras 2017

Deixar uma resposta