Triângulos da vida

Por vezes sou um pensador, ou melhor, nem sempre sigo os meus instintos, homem e ainda animal supostamente racional, mas nem sempre somos racionais e por vezes somos pior que os animais, algo meio estranho num mundo que se quer enamorado e feliz.

Estava aqui a pensar que as relações são um pouco como um triângulo de fogo, existindo oxigénio, combustível e calor, e resulta o fogo, e nós não andamos longe disso, precisamos do gosto, sim, para se começar algo, é preciso primeiro gostar, é um principio activo, embora por vezes as coisas aconteçam por estranhos motivos, e sim, já o vivi, foi algo diferente, existia uma atracão física e nada mais, e da atracão carnal ao resto foi um pequena viagem, meio atribulada, mas foi uma viagem, de uma relação baseada no carnal e animal ao amor foi um passo pequeno, o amor, esse foi um turbilhão de asneiras seguidas.

É uma eloquência diria utópica quando se misturam coisas numa relação, o lado animal da coisa é muito bom sem qualquer sombra de duvida, mas nem sempre a ligação é a mais perfeita, e foi isso que desconjuntou tudo, junta-se uma dose de ciúme um pouco mais descontrolado, e a faísca está iminente, o fogo, o fogo tem tantas variantes, mas todas elas partem do mesmo principio activo, que já o referi acima, tal como o amor, também tem o mesmo principio, três ingredientes, e ainda só falei em um, o segundo penso que já se sente mais quando se conhece.

A paixão, bom a paixão, é um pouco como a paixão que tenho por escrever, adoro escrever, quando estou aqui a debitar estas linhas, é como se o meu pensamento fosse para a lua e observasse o mundo visto de lá, certamente que seria uma bela vista, eu lá e vocês aqui no meio deste mundo caótico, depende da interpretação de cada um, mas adiante, duas pessoas que se gostam, vivem a paixão da descoberta, aquela parte em que só dá vontade de estar perto, do sentir, dos beijos, de tudo o que envolve a paixão…. Mesmo seja ela uma paixão carnal….

O terceiro elemento, o terceiro elemento da minha parte, aos meus olhos, é quando a mulher é uma extensão do meu pensamento e eu do dela, supostamente as pessoas completam-se no amor, ou no antes dele, para chegar a esse ponto, a Amizade dos dois, afinal um casal de namorados, é muito mais que uma relação de amizade, é uma ligação intensa levada a níveis superiores, e daí para mim, pode surgir o amor…. E não tem obrigatoriamente que meter sexo no barulho…. Voltemos quarenta ou cinquenta anos atrás, onde se namorava por carta, hoje é mais uma mensagem curta, algo atroz, será que este mundo moderno simplifica as relações ou de certa forma as complica?

Não foi um texto dos habituais, este é um pouco mais extenso que o habitual, este não é um texto romântico, é um devaneio, o meu mundo a preto e branco, como a lua por vezes o é, permite-me que escreva destas pérolas, uns gostam, outros não ligam, mas a vida é assim mesmo, não posso nem devo agradar a gregos e a troianos, basta manter as coisas simples….

 

NMauFeitio 69Letras® 27.02.2017

Deixar uma resposta