Coloca-te no centro do Teu Universo

Há aqueles momentos que te invadem
tal é a sua magnitude e grandeza
colocando-te num estado curioso
e sedento de mais,
onde queres tatear a novidade e
aprofundar tudo o que sentiste
levando contigo essa nova energia,
absorvendo-a e pairar
naquele estado de nirvana
que só o genuíno te consegue dar…
És pequeno,
e neste Universo,
nem no centro estás,
porque te perdes nos dias corridos
onde não tens tempo de respirar…
sufocas.
Não vês saída,
olhas à tua volta e todos parecem ocupados,
mas tantos como tu buscam algo mais,
qualquer coisa que os liberte e
ajude a aliviar o peso nos ombros,
a taquicardia da ansiedade,
ou as noites agitadas
a sonhar com tudo e com nada.
É então,
que levas com o choque:
está tudo nas tuas mãos.
Sempre tiveste o poder de te centrar,
apenas não páras para sentir o teu respirar.
A chave está no presente,
neste espaço de tempo desvalorizado
onde cada pensamento e caminhada na rua
é em direção ao futuro
e perdemos a conexão com o agora,
com o piso,
os cheiros,
os sonhos que nos levam ao destino.
Estas tomadas de consciência são importantes,
levar-nos-ão ao futuro,
com mais saúde e menos desgaste,
e falando por mim…
talvez o primeiro passo a dar,
seja aprender a inspirar as boas energias
e a expirar a carga negativa
que as nuvens que passam,
deixam em mim
© Cátia Teixeira, A Vizinha 2017

Deixar uma resposta