Bêbeda de ti

M18 ♥♠

Visões enevoadas do teu corpo por baixo do meu, do teu ar de deleite enquanto me lanço selvagem rumo ao nosso prazer… Momentos nossos, em que nos tornámos um, momentos de entrega… A tua voz ecoa no meu âmago e revolve-me as entranhas à média luz numa melodia que gravei, minha…


O perfume que me invade os sentidos e me leva de volta,  que busco no meu corpo quando esta saudade me atinge, que não busco em mais lado algum porque só existe em mim,  em ti, em nós onde quer que estejamos… Sou tua, és meu, naquele cantinho que é só nosso e em que depois do êxtase me aninho em ti e repouso e gozo uma vez mais, bêbeda de ti…

©VickyM 2016 #69letras

Deixar uma resposta