Antes de…

Ainda antes sequer de pressionares a tua tesão contra o meu corpo já me f@deste o juízo… desmontaste a cabra que há em mim e se pavoneia em defesa…

Bastou o encostar dos teus lábios, a mão na minha nuca e essa língua roçar a minha para te querer dentro de mim… profundo, intenso e voraz…

Essa união de bocas que não precisaram de palavras para saber que se queriam e como se queriam…

A minha, perdida na tua, só se pronunciou com coragem para te dizer… não pares

© Vicky M *.* 2016 #69letras

Deixar uma resposta