I am, am I not? Marie

Ando fugida das letras… A rotina come-me os dias como se fossem smarties e as frestas são breves e o que sinto é tanto…. 

Na verdade sou uma mentirosa… Daquelas a sério, que acredita nas próprias mentiras como se fossem a salvação…. Mas não são…. E o resultado é uma menina perdida no mundo dos grandes…. Dos que dominam as emoções e fazem da comunicação uma verdadeira arte….

Porra… Não sabia nada, eu….

De que me vale arrancar folhas do calendário que nem uma louca, jorrando frases da treta…. De que me vale dizer em voz alta em frente ao espelho “que se foda o amor”, ” a mim já ninguém me chega ao coração” e sei lá que mais tenho escrito por aqui…. Tretas….

Cai-me na vida de pára quedas um gajo qualquer e faz de mim o que quer. 

Taus! Já foste!!

Agora deita-te em posição fetal e chama a mãezinha até que percebas e assumas que afinal és apenas mais uma Gaja, lixada com a vida porque o marido arranjou outra, à mercê de todos quantos te finjam afecto…. Carente que nem uma idiota…..

Aaah….. Foda-se.…..

Será?

Não…. Não é…..de facto não é e eu não sou essa…. Nunca fui, nem quando era menina perdida…. Seria agora por alma de quem? 

Não mendigo…. E se parece que o faço, é artimanha minha…. Quero inverter os papeis…. Tomar as rédeas… De ti…. E esta é a luta com que me tenho entretido…. Nas horas vagas, no tédio do fim de dia, sabes? É que na verdade és  apenas mais um…. Tu… Franzes o sobrolho quando eu quero…

Em pouco tempo mais um qualquer…. E eu andarei na minha vidinha… Na minha…. 

E é disto que eu gosto….

The game…..

E gosto apenas enquanto me diverte me distrai, me ocupa a mente das coisas que não dependem de mim…

Ainda sou eu a coisa que mais me importa.

Apenas isso…..

Por hoje… E sempre….

Ámen!

 

©  Marie 69Letras 06-03-2017

Deixar uma resposta